Arquivo | maio, 2011

Pizza Orgânica

24 maio

Morando em São Paulo há 12 anos e casada com um paulistano, acabei aderindo à tradição de comer pizza todos os domingos. O problema é que aquela menina que aqui chegou e comia 10 pedaços da redonda sem ficar com peso na consciência e muito menos na balança mudou, nos dois sentidos.

A cidade de São Paulo disputa com Nova York o título de capital mundial da pizza, por aqui são vendidas mais de 370 milhões de unidades por ano. Dessas, boa parte são pedidos tipo Delivery, você já parou pra pensar no impacto que isso significa? Quantas embalagens, que não podem ser recicladas, são usadas, quanta lenha é queimada, quantos litros de gasolina são necessários para que ela chegue quentinha até a sua casa?

Pensando nisso, descobri um lugar para reduzir meu peso na consciência: A Pizzaria. O cardápio da casa oferece três opções de pizzas feitas com ingredientes orgânicos e no forno das duas unidades só entra lenha ecológica, para ficar melhor só se a entrega fosse feita de bicicleta. A farinha de trigo integral não possibilita uma massa crocante, mas o resultado é uma pizza saborosa e leve, perfeita para quem, como eu,  luta para manter o peso (o da balança) durante a semana e não quer botar tudo à perder num domingo!

 

Massa Integral, tomate, mussarela de búfala e manjericão

fotos arquivo A Pizzaria

A Pizzaria – Real Parque

Rua Américo Alves Pereira Filho,461

Fone:    (11) 3758 4153

Delivery Itaim

Fone: (11) 3168-4983

Anúncios

Reciclando Idéias

23 maio

Sábado fui conhecer o  Quintal dos Orgânicos , em Pinheiros.  Além de boa comida e bom atendimento, gostei da coerência do estabelecimento. Deixe-me explicar; é que depois do almoço aproveitei para fazer a feira da semana, e sabe qual foi a minha surpresa? Não precisei usar sequer um saquinho plástico e foi muito prático. 
Com o aumento do consumo de alimentos orgânicos, as grandes redes de supermercados passaram a oferecer esse tipo de produto, o que é ótimo,  embalados em bandejinhas de isopor e muito plástico, o que é péssimo! Além do lixo gerado no descarte da embalagem, existe outro problema que boa parte dos clientes não sabem:  legumes são dispensados por não caberem nos 20 cm das bandejinhas. Produtos orgânicos são mais saudáveis e bons para o planeta, pois seu modo de produção respeita o solo e o não uso de produtos sintéticos protege lençóis freáticos e a saúde dos trabalhadores. A “filosofia” orgânica perde todo o  sentido se na hora da comercialização não há continuidade na proposta de sustentabilidade que ela sugere. O assunto da semana passada foi a sansão da nova lei que proíbe os supermercados de distribuir sacolinhas plásticas, já que estamos “mexendo na ferida”,  porque não aproveitar para repensar também sobre a forma como hortaliças, frutas e verduras são embaladas?

Pelo Fim das Sacolinhas

10 maio

Os supermercados de São Paulo deverão deixar de oferecer sacolas plásticas ao consumidor até o final do ano. Pelo acordo assinado ontem entre governo e a APAS -Associação Paulista de Supermercados, o cliente poderá optar pelo uso de sacolas biodegradáveis compostáveis, feitas de amido de milho, mas deverá pagar o valor estimado em R$ 0,19 por unidade.  A nova embalagem se desfaz em até 180 dias em usina de compostagem e em dois anos em aterro sanitário.

No ano passado, foi implantado um projeto semelhante em Jundiaí e o resultado foi positivo:de acordo com pesquisas divulgadas, mesmo sem força de lei, houve uma adesão de 95% dos empresários locais e aprovação de 75% da população . Em seis meses, mais de 240 toneladas de resíduos deixaram de ser geradas.

O acordo segue os modelos europeus, e seu objetivo é estimular o uso de sacolas retornáveis, carrinhos de feira, caixas ou mochila. Alternativas cujo custo é zero.

Minha dica: vá treinando! Para quem ainda não possui o hábito, no começo é normal esquecer as Ecobags, então é só pedir caixas de papelão para um funcionário do supermercado que “tá” tudo certo!

Mictório Sustentável

9 maio

O projeto Eco Urinal ganhou prêmio iF Concept Design 2010. Desenvolvido pelo Yeongwoo Kim, aproveita a água da pia como descarga. O problema é que tem muito homem que não lava as mãos…

Dolce far Niente

4 maio

No estilo faça você mesmo (ou mande fazer você mesmo, como no meu caso), aqui em casa resolvemos reaproveitar os famosos Pallets de madeira. “Colocamos” rodízios, os futons do ap antigo, váááárias almofadas e agora é só relaxar!!

Educação é tudo!

4 maio

Sustentabilidade é garantir para as futuras gerações as mesmas condições socioambientais que temos disponíveis hoje.  Mas se pensamos tanto em deixar um planeta melhor para nossos filhos, que tal deixarmos filhos melhores para o planeta? Educação não é só na escola…