Ecodicionário

Adubação verde
 Técnica da agroecologia utilizada  para ‘limpar’ o solo quando ele está intoxicado com herbicidas e produtos químicos.  São usadas plantas tipo leguminosas e gramíneas (ervas nativas), que antes da época de floração, são cortadas e incorporadas ao solo ainda verde. Esse processo fortalece o solo através de nutrientes como o nitrogênio.

Anexo I
O termo refere-se aos  países industrializados membros da Convenção do Clima da ONU que se comprometeram em reduzir as emissões de gases causadores de efeito estufa, em 5,2%  em relação aos níveis de 1990.(oficializado pelo  Protocolo de Kyoto.)
São: Alemanha, Austrália, Áustria, Bélgica, Bielo-Rússia, Bulgária, Canadá, Comunidade Européia, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Federação Russa, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Islândia, Itália, Japão, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Mônaco, Holanda, Nova Zelândia, Noruega, Polônia, Portugal, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, República Tcheca, Romênia, Suécia, Suíça, Turquia, Ucrânia e Estados Unidos.

Aquecimento Global 

Elevação da temperatura média da Terra causada pelo aumento das concentrações dos chamados gases do efeito estufa (GEE) na atmosfera.

Área de Preservação Permanente (APP)
Área protegida, coberta ou não por vegetação nativa, com a função ambiental de: preservar os recursos hídricos, a paisagem, a estabilidade geológica, a biodiversidade, o fluxo gênico de fauna e flora; proteger o solo e assegurar o bem-estar das populações humanas. Definida pelos  Artigos 2º e 3º do Código Florestal (Lei Federal 4.771, de 15 de Setembro de1965)

Aterro controlado
É um intermediário entre o lixão e o aterro sanitário.  O solo é preparado para receber os resíduos, com manta impermeabilizadora, porém é propício à geração de vetores de doenças e odores na região.

Aterro sanitário
Maneira correta para o deposito final de lixo. Os solos são impermeabilizados com mantas de PVC e o chorume é captado e tratado.  O gás oriundo do acúmulo de lixo é drenado e pode ser queimado ou usado para eletricidade. As camadas de lixo são cobertas diariamente por uma camada de terra, o que evita o surgimento de  pragas urbanas.

Biodegradável

É a capacidade que um material tem de se  decomposto  naturalmente pela ação dos microorganismos encontrados no meio ambiente . Exemplo: cascas de legumes, restos de animais, roupas de algodão, objetos de couro, de madeira , etc.

Biodiversidade

Conjunto de espécies da fauna e flora de uma região.

Bioma
Conjunto de diferentes ecossistemas terrestres, caracterizados por tipos semelhantes de vegetação em determinada região geográfica. O Brasil possui sete biomas: amazônia, cerrado, caatinga, mata atlântica, pampa, pantanal e zona costeira.

Certificação

Documento emitido por instituição independente da relação comercial, atestando que determinado produto/serviço foi produzido ou está de acordo com requisitos estabelecidos para seguir determinado padrão. Esses requisitos podem ser nacionais ou internacionais.

CFC

Sigla para Clorofluorcarbono. Família de gases não-inflamáveis e de baixa toxidade, utilizados durante muitos anos como propelentes de aerossóis, na fabricação de espumas, na limpeza de equipamentos de precisão e nos motores de aparelhos de refrigeração. Quando liberados, esses gases sobem à atmosfera superior e danificam a camada de ozônio.

Combustíveis fósseis
Recursos naturais não renováveis, usados para gerar energia e movimentar motores de máquinas e veículos. Entre os principais estão; gasolina, óleo diesel, gás natural e carvão. A queima desses combustíveis é a principal fonte de emissões de gases do efeito estufa.

Compostagem

Processo biológico em que os microrganismos transformam a matéria orgânica como estrume, folhas, papel e restos de comida, num material denominado composto, que pode ser utilizado como adubo na agricultura.

CONAMA

Conselho Nacional do Meio Ambiente, criado em 1981, dispõe sobre a Política do Meio Ambiente

Consumo Consciente

é um exercício de cidadania.  Ao realizar uma compra, devemos levar em consideração a procedência do  produto (de onde veio, quem o fez , como foi feito) e quais impactos ele pode gerar ao meio ambiente. Observar se o preço que você está pagando por uma camiseta, por exemplo, é justo (Fair Trade) ou se, provavelmente, crianças foram exploradas para que você pudesse economizar alguns poucos reais.

O vídeo History of Stuff conta toda a história….

Dica: Para consumir consciente, não é necessário abrir mão dos confortos da vida moderna, apenas reflita sobre as suas reais necessidades e invista em qualidade e durabilidade.

Coleta seletiva

Significa separar do lixo comum materiais que podem ser reciclados. Depois de separado o material reciclado, o lixo comum tem seu volume reduzido, o que auxilia na diminuição de gastos públicos com seu transporte e destinação final. No Brasil, representa fonte de renda para catadores e cooperativas.

O padrão de cores regulamentado pelo CONAMA segue o mesmo adotado internacionalmente.

Azul: papel

Vermelo: plástico

Amarelo: metal

Verde: vidro

Preto: Madeira

Laranja: resíduos perigosos

Branco: resíduos ambulatoriais

Roxo: resíduos radioativos

Marrom: orgânicos

Cinza: não reciclavel

Comércio Justo

É uma modalidade que tem como princípio o pagamento de um preço justo, que cubra os custos e proporcione um rendimento digno aos produtores, prezando pelos direitos humanos e pelo meio ambiente.

Veja entrevista publicada pelo O Estado de São Paulo.

Créditos de carbono
Certificado em papel que dá ao seu comprador o direito de emitir uma quantidade X de gás carbônico. O expedidor do certificado precisa, para isso, ter reduzido as próprias emissões, ou evitado emissões para a atmosfera. Por exemplo, uma empresa num país desenvolvido que tenha uma meta de redução de 50 toneladas de carbono imposta pelo governo e consiga reduzir 60 toneladas poderá vender as 10 toneladas extra no mercado de carbono a uma outra empresa que não consiga cumprir a mesma meta.

Efeito estufa:
É a concentração do calor que chega à Terra por uma camada de gases na atmosfera, entre os quais o dióxido de carbono (CO2), o metano (CH4) e o vapor d’água. Trata-se de um efeito natural, sem o qual a vida no planeta não seria possível, pois todo o calor seria perdido no espaço.


Energias renováveis

Fontes inesgotáveis e pouco poluentes de energia obtidas da natureza, como solar, eólica, hídrica e geotérmica.

FSC Forest Stewardship Council

Certificadora  que garante o manejo responsável de florestas

Gases de efeito estufa (GEE)
Gases que alteram as características da atmosfera, fazendo com que o calor fique concentrado como em uma estufa, entre eles estão: dióxido de carbono (CO2), metano (CH4), óxido nitroso (N2O), hexafluoreto de enxofre (SF2), além de duas famílias de gases, os hirofluorcarbonos (HFCs) e os perfluorcaronos (PFCs).

Instituto Biodinâmico (IBD)

É um dos principais certificadores do País, responsável por conferir selo orgânico, biodinâmico, de comércio justo, entre outros. É o único certificador brasileiro a ser reconhecido na Europa, nos Estados Unidos e no Japão.

LED

Diodo Emissor de Luz, que está sendo muito usado na substituição de lâmpadas comuns e nas Tv’s de últma geração devido à sua maior durabilidade e menor consumo de energia. Leia mais aqui

Leed

Leadership in Energy and Environmental Design (Liderança em Planejamento Energético e Ambiental), é um sistema de certificação de edificações a partir de critérios de sustentabilidade ambiental em diferentes categorias.


Lixo

São os produtos não aproveitados pela atividade humana.

Podem ser classificados quanto à origem: domiciliar, comercial, agrícola, industrial, público, entulho e  hospitalar

ou quanto ao grau de periculosidade:

Classe I- Perigosos – apresentam risco ao meio ambiente.

Classe II – Não Inertes – apresentam características de lixo doméstico.

Classe III – Inertes – não se decompoem.

Logística reversa

A ação corresponde ao caminho inverso da logística, ou seja, tem início no ponto de consumo dos produtos e fim no ponto inicial da cadeia de suprimentos.
Tem o objetivo de recolher embalagens e produtos no fim de seu ciclo, encaminhando-os para uma destinação ambientalmente adequada

Maquiagem verde

Termo usado quando uma empresa disfarça práticas predatórias com uma política ambiental de fachada.

O blog da revista Casa Claudia, da editora Abril, listou 7 sinais de maquiagem verde. Clique aqui e veja.

MMA

Ministério do Meio Ambiente

Pfand

Sistema utilizando na Alemanha, e em alguns outros países, onde o consumidor deixa um “depósito” para cada produto vendido em embalagem PET ou de vidro. No ato da compra você paga o Pfand. Depois, você vai numa maquininha no supermercado e devolve a garrafa vazia, pegando então seu dinheiro de volta, inteiramente. A máquina identifica (pelo rótulo, que não deve ser retirado, e por outras características), a garrafa em questão e imprime uma nota com o valor do que você tem a receber. É possível usar os créditos numa compra no próprio mercado ou mesmo receber em dinheiro (por menor que seja a quantia).

Reciclagem

A palavra reciclagem significa repetir o ciclo, ou seja, aplicar técnicas de beneficiamento para materia-prima com o objetio de reintroduzi-la na cadeia produtiva, poupando assim os recursos naturais, gerando emprego e movimentando a economia.


O símbolo da reciclagem formado é por três setas sinalizando um ciclo, nele cada seta representa as etapas de vida de um produto: sua fabricação, seu consumo e seu retorno à cadeia produtiva.

Mas para que esse ciclo produza o efeito esperado  precisamos não só separar nosso lixo, mas consumir produtos feitos de materiais reciclados.

A presença desse símbolo nas embalagens significa, apenas,  que elas podem ser encaminhadas à reciclagem.

Orgânicos

Cultivados livres de agrotóxicos, adubos quimicos ou herbicidas sinteticos, seguindo um  manejo adequado do solo e da água, com condições laborais justas. No caso de carnes e frangos, significa que os animais cresceram soltos, sem uso de hormônios ou antibioticos e não foram criados em áreas desmatadas para esta finalidade.

Os produtos orgânicos custam em media, 10 a 30% a mais para o consumidor final, porém ele evita que a sociedade gaste com tratamento de doenças, geradas pelo uso continuo de aditivos químicos em sua alimentação, e serviços de despoluição ou recuperação de areas degradadas.

Segundo nstruções Normativas do Ministério da Agricultura  sobre os padrões de rotulação de produtos, devem ser usados os seguintes termos:

ORGÂNICO produtos com 95% ou mais de ingredientes orgânicose, para produtos

PRODUTO COM INGREDIENTES ORGÂNICOS pelo menos 70% de ingredientes orgânicos

É obrigatório constar dos rótulos a proporção dos ingredientes orgânicos e não orgânicos.

Oxibiodegradável

Nome dado ao material usado na fabricação de sacolas plásticas que, segundo seus fabricantes, se decompõem rapidamente na natureza. De acordo com alguns pesquisadores, esse tipo de material apenas se divide em pequenos fragmentos, como um pó, que não é consumido por fungos, bactérias e outros microorganismos presentes na natureza, condição para ser considerado biodegradável.  Ainda não há comprovação científica sobre a eficácia deste material.

Pegada ecológica

É a marca que o modo de vida de cada pessoa deixa no planeta. Calculada com a área de terra necessária para sustentar os hábitos e consumo do homem. A ONG americana Redefining Progress criou um teste que avalia a pegada ecológica de cada pessoa.

PNUMA

É o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, foi criado em 1972 com a função de criar parcerias que objetivam proteger o meio ambiente, a fim de promover o desenvolvimento sustentável.

Protocolo de Kyoto

Acordo assinado em 1997 em Kyoto, no Japão, que entrou em vigor em 2005,no qual 37 nações industrializadas se comprometem a reduzir suas emissões de seis gases-estufa em 5,5% em relação aos níveis de 1990 até 2012.
Sustentável

Ser sustentável é suprir as necessidades atuais sem comprometer as possibilidades de satisfação das necessidades das futuras gerações. A sustentabilidade e baseada num tripé:

  • economicamente viável
  • socialmente justo
  • ecologicamente correto.

Upcycle

Significa transformar algo que está no fim de sua vida útil ou que vai virar lixo em algo novo sem precisar passar pelo processo físico ou químico de reciclagem.

WWF

Uma das principais ONGs ambientais atuantes sobre o aquecimento global, que começou com um grupo de cientistas na Suíça, em 1961. Apresentou em novembro uma lista que classifica as melhores iniciativas contra o aquecimento global –ações brasileiras para reduzir emissões de carbono pelo desmatamento na Amazônia ficaram em sexto lugar.


Anúncios

10 Respostas to “Ecodicionário”

  1. Clara Dourado 08/01/2010 às 4:40 AM #

    Olá! Parabéns pelo blog!
    É sempre bom achar um espaço dedicado à causa ambiental. Gostei muito do Ecodicionário e postei no meu blog sobre ele, com link para o seu blog. Dá uma olhada: http://thenerdfashionist.blogspot.com/2010/01/dicionario-ecologico-entenda-os-termos.html

    Espero que goste.

    Um abraço!

    • luanasimoes 15/01/2010 às 3:00 PM #

      Olá Clara!
      Obrigada! Também achei seu blog bem interessante!
      Abs

      Luana

  2. Fernanda Barros 12/05/2011 às 5:47 PM #

    Amei seu blog, Luana. Parabéns! Estarei sempre por aqui dando uma espiada 😉

  3. Juliana 10/08/2011 às 3:51 PM #

    Parabéns , me ajudou num trabalho de escola , mto bom msm

  4. Raphael Piva 03/08/2012 às 3:16 PM #

    Olá Luana. Meu nome é Raphael e sou da Editora Minuano de São Paulo. Sou o responsável por uma série de matérias sobre sustentabilidade social. Mais recentemente escreverei sobre sustentabilidade com garrafas PET. Gostaria de saber se há interesse da sua parte em participar de alguma forma em nossa série de matérias.
    Fico no aguardo, más agradeço desde já.

  5. Denise 13/10/2012 às 5:06 AM #

    Muito bom a iniciativa do seu Blog Luana.
    Estava preparando um projeto sustentável quando encontrei seu Blog. e muito bom encontrar gente pensando igual. Moro fora do Brasil faz 10 anos. Estou preparando um projeto de Construção Saudável para o Brasil. Nele reuni toda a esperiência adiquirida na Europa sobre construções sustentáveis. Hoje aqui se pensa alem da sustentabilidade. Estamos contruindo construção que geram saúde. Se tiver interesse dá uma olhadinha no site e curta nosso facebook também. http://www.campitellicasa.com
    Abraços
    Denise da Cruz

Trackbacks/Pingbacks

  1. Não foi dessa vez! « Ecocentrico - 26/02/2010

    […] Ecodicionário « Sayaka Kajita Ganz – 100 % Inspiração […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: